O que considerar na hora de realizar a limpeza em altura da sua indústria

Limpeza em altura

A conservação das áreas externas e internas de fábricas, limpeza de tubulações áreas, fachadas de vidro e telhados, são sempre necessárias. Mas você sabia que esse procedimento envolve muitos riscos, principalmente por ser um trabalho de limpeza em altura?

Devido à especificidade, essa tarefa requer a aplicação de uma série de cuidados previstos em lei, como o uso de equipamentos de segurança e treinamento específico de profissionais.

Continue a leitura do nosso artigo de hoje e saiba quais são os pontos que você deve considerar na limpeza em altura dentro da sua indústria.

 

Limpeza em altura: cuidados extras que exigem total atenção

Em indústrias, os profissionais responsáveis pela limpeza das dependências estão expostos a riscos variáveis de acordo com o grau de dificuldade do trabalho, a depender do tipo de limpeza e localização.

Neste contexto, os serviços em altura estão entre as atividades que oferecem maior perigo, exigindo a utilização de uma série de cuidados, dispostos na Norma Regulamentadora 35 (NR 35).

O texto dessa norma trata das questões que envolvem a segurança da equipe de trabalho, principalmente pelas restrições impostas pelo ambiente.

De acordo com essa norma, quando um profissional realiza qualquer serviço de limpeza estando a dois metros do nível do solo, ele já está realizando um trabalho em altura. 

Assim, por ser considerada uma atividade de risco, o responsável pela limpeza deve utilizar todos os equipamentos de proteção obrigatórios e a empresa é a responsável pelo cumprimento dessa norma de forma completa.

Os equipamentos para o trabalho de limpeza em altura requeridos são o cinturão de segurança com dispositivo trava-queda, cinturão de segurança com talabarte, dispositivos de ancoragem entre outros itens.

Há ainda a exigência de todos os outros EPIs básicos, como capacete, macacão especializado, luvas, botas e óculos de segurança.

Além disso, a NR 35 especifica a delimitação prévia da área para que o serviço de limpeza seja realizado com segurança e eficiência.

 

Outros pontos que precisam ser considerados

Além de oferecer todos os dispositivos de segurança, é dever do empregador considerar outros pontos ao realizar a limpeza em altura, dentre os quais merecem maior atenção:

  • Treinar e capacitar os profissionais responsáveis pela limpeza em altura;
  • Analisar previamente o local de trabalho e os riscos oferecidos, elaborando um plano de ação;
  • Planejar e implementar procedimentos de segurança a realização deste procedimento;
  • Realizar a análise de riscos previamente à operação;
  • Informar os profissionais sobre riscos e medidas de controle;
  • Providenciar autorização para a realização do trabalho;
  • Acompanhar o cumprimento de todas as medidas de segurança;
  • Suspender o trabalho quando for verificado algum risco não previsto, como ventos em excesso, chuva ou questões semelhantes;
  • Avaliar periodicamente o estado de saúde dos profissionais

Além disso, o profissional responsável pela limpeza também tem suas responsabilidades. Ele deve zelar pela sua saúde e segurança, atuando conforme as exigências impostas pela NR 35. 

Aquele trabalhador que não colaborar para o cumprimento das normas de segurança pode ser demitido por justa causa.

 

Utilize a tecnologia como aliada

Tecnologia como aliada - limpeza em altura

Um dos fatores que mais exercem influência no tipo de limpeza é, sem dúvidas, a altura da estrutura da indústria. É ela que define qual será a técnica utilizada, os equipamentos que serão utilizados e os cuidados necessários.

Para um prédio com até 16 metros de altura, por exemplo, existem meios para que o profissional realize o serviço em solo, por meio de sistemas mais modernos, caso do SpaceVac, da Brasmo.

Esse é um Sistema de Limpeza a Vácuo da Brasmo que substitui o uso de outros métodos mais caros e perigosos para limpeza em altura.

Com essa solução, um único trabalhador consegue executar a limpeza de espaços altos (até 16 metros de altura), com o máximo de autonomia, agilidade e eficiência, beneficiando a limpeza industrial de alta performance. Sem necessidade de interromper a operação para esse processo. 

Já nos prédios com altura superior, o uso de equipamentos de rapel ou andaimes pode ser necessário. Nestes casos, a escolha da técnica vai depender, exclusivamente, da acessibilidade à construção.

Nestes casos, a limpeza em altura representa um perigo para colaboradores. Isso exige que todos os cuidados sejam considerados para que não aconteça nenhum tipo de acidente. 

Mas, um profissional bem treinado, as características do local previamente definidas e o uso da melhor estratégia tornam a limpeza em altura eficiente e principalmente mais segura.

Conheça nossa solução Spacevac e veja como este equipamento garante segurança, praticidade e eficiência para a limpeza industrial de alta performance.

[Orçamento] Entre em contato e solicite um orçamento dos produtos Brasmo

Compartilhar
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Assine a Newsletter

Ao informar seus dados, você aceita receber comunicações.

7 dicas para aprimorar BPFs e evitar a contaminação cruzada

Na indústria alimentícia, a contaminação cruzada é uma das principais causas de doenças transmitidas pelos alimentos. Para evitar esse tipo de problema, existem as Boas

ESD: conheça as normas e certificações para descargas eletrostáticas

A descarga eletrostática (ESD) é uma ocorrência em que uma carga elétrica se acumula em uma superfície e é descarregada em outro material. Portanto, ela

Higiene industrial na área de produção: quais cuidados são necessários?

Cuidar da saúde e do bem-estar dos colaboradores de uma indústria é uma tarefa fundamental para o bom desempenho do negócio. Para isso, é necessário

Categorias

Ficou interessado ou está com alguma dúvida?